Notícias

UNIÃO DE ESFORÇOS

Parceria em Sorriso possibilita melhoria na estrutura de trabalho da Polícia Civil

09/10/2019 - 15:46
Raquel Teixeira/PJC-MT

Cumprindo agendas de visitas às regionais do médio norte, a direção da Polícia Judiciária Civil se reuniu com dirigentes municipais, entidades de apoio à segurança pública e servidores das unidades de Sorriso, Lucas do Rio Verde e Nova Ubiratã.

Em Sorriso, o delegado-geral Mário Dermeval e os diretores Juliano Carvalho (Inteligência) e Jesset Arilson Munhoz (corregedor-geral) e os delegados do município, André Ribeiro e Nilson Farias, se reuniram com o prefeito Ari Lafin, ocasião em que foi reforçada a parceria com as forças de segurança pública. Um dos exemplos da parceria que está beneficiando a Polícia Civil é a construção da nova delegacia de Sorriso, com apoio da Prefeitura Municipal e Ministério Público Estadual.

Por meio da celebração de um Termo de Ajustamento de Conduta, celebrado pelo MPE com uma empresa hidrelétrica da região, foi destinado recurso de compensação ambiental, cuja parte no valor de R$ 891 mil foi para a construção da delegacia.

O delegado-geral destaca que o apoio de instituições e dos municípios tem contribuído fundamentalmente na melhoria das estruturas de trabalho dos policiais em diversos municípios. Apenas na região médio norte são duas delegacias construídas por meio de parcerias – Sorriso e Nova Ubiratã. “As tratativas para essa parceria em Sorriso foram iniciadas em 2016. O projeto arquitetônico foi elaborado pela equipe de gerência de obras da Diretoria de Execução Estratégica, com padronização e identidade visual, englobando toda a estrutura física, tendo como um dos objetivos fortalecer a imagem da Instituição”, explicou Mário Dermeval.

A nova delegacia terá um espaço terá 1.150 m² e abrigará serviços ordinários e especializados de investigação policial, garantindo qualidade no atendimento à população e melhores condições de trabalho aos policiais.

“Queremos reforçar que a Prefeitura de Sorriso é parceira para lutar por uma sociedade mais segura a cada dia, pois a união de todos tem dado bons resultados. Quero agradecer a todos os envolvidos e solicitar mais efetivo policial para o nosso município”, explicou o prefeito, que estava acompanhado do secretário municipal de Segurança Pública, Trânsito e Defesa Civil, José Carlos Moura.

Entre os serviços que ganharão melhor estrutura na nova delegacia está o Núcleo de Atendimento à Violência Doméstica, inaugurado em 2018. O delegado municipal, André Ribeiro, explica que o atendimento é realizado na atual unidade, por policiais capacitados para receber mulheres vítimas de violências, sem que haja contato com os agressores. O Núcleo também é voltado para atendimento de crianças e idosos e foi estruturado com parcerias da prefeitura, que custeou a reforma das salas.

Aprimoramento da PJC

O delegado-geral afirmou, ainda, que está percorrendo as unidades para saber as necessidades e ouvir sugestões, além de repassar aos profissionais as ações que vem sendo executadas pela direção da PJC para aprimorar a atuação e o desenvolvimento da instituição frente a seu papel na sociedade. “Estamos visitando todas as regionais para conhecer de perto a realidade, levar informações da gestão e trocar ideias com os policiais num processo de interação entre a diretoria com os servidores que estão nos municípios”, afirmou delegado-geral.

Um dos assuntos relatados nas unidades no interior é a ferramenta que está em processo de construção, o inquérito eletrônico policial, plataforma totalmente desenvolvida por profissionais da Polícia Civil e que entrará em funcionamento nas primeiras delegacias até o final do ano.

O Inquérito Eletrônico, cuja produção será totalmente dentro do sistema, com transmissão eletrônica ao Judiciário, vai possibilitar a integração da base de dados com outras instituições, implantação de ferramentas de investigação e inteligência, melhoria no cadastramento de pessoas e aplicativos que darão mais celeridade às investigações da Polícia Civil.

“Essa aproximação com os servidores que atuam nas unidades policiais do interior é importante para que possamos conhecer o que vem sendo desenvolvido, levar as informações e os projetos da instituição que estão em andamento. Momento também que esclarecemos as dúvidas e trocamos ideias com nossos servidores”, apontou o corregedor-geral da PJC, delegado Jesset Munhoz.

A direção da PJC também participou em Sorriso de uma audiência do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg). “Buscamos hoje a complementação dos cargos de delegado para Sorriso e Lucas do Rio Verde, visto que são cidades que necessitam de um terceiro profissional. Sorriso ainda tem o diferencial, pois atende os distritos e os municípios próximos, como Ipiranga do Norte e Nova Ubiratã, que estão sem profissionais. São diversas cidades do Estado que, com certeza, merece mais atenção”, finalizou Mário Resende.

A PJC também está no Facebook, Flickr e Instagram. Siga-nos!

Assessoria de Comunicação Social
www.pjc.mt.gov.br
asscom@pjc.mt.gov.br
(65) 3613-5673

Compartilhe essa notícia