Notícias

POLÍCIA JUDICIÁRIA CIVIL

Workshop de Inteligência auxilia policiais da DHPP em investigações de homicídios

06/02/2018 - 16:06

Assessoria | PJC-MT

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) em parceria com a Diretoria de Inteligência (DI) realizou, na tarde desta terça-feira (06.02), o 1º Workshop de Inteligência, voltado para investigadores, escrivães e delegados da Delegacia de Homicídios. O evento aconteceu no auditório da Diretoria Geral Polícia Judiciária Civil com objetivo de difundir as atividades e ferramentas de inteligência disponíveis para auxílio das investigações.

O Núcleo de Inteligência da DHPP é formado por quatro policiais sob a coordenação da delegada Juliana Chiquito Palhares e conta com apoio da Diretoria de Inteligência em investigações mais complexas. O workshop visa de maneira informal e prática demonstrar aos policiais da DHPP o trabalho e as possibilidades oferecidas pelo N.I. que podem ampliar e facilitar as investigações operacionais.

Na abertura do evento, o delegado titular da DHPP, André Renato Gonçalves, disse que o workshop é uma oportunidade para os policiais conhecerem um pouco mais sobre as ferramentas e técnicas, disponíveis através do NI e da Diretoria de Inteligência. “Além de conhecer novas possibilidades, faremos análise de métodos de investigação e estudo de casos, para ver como essas técnicas são aplicadas no cotidiano de trabalho, contribuindo para as investigações de campo”, destacou.

A coordenadora do N.I. da DHPP, Juliana Chiquito Palhares, destacou que o fortalecimento do Núcleo é o grande legado do último ano da delegacia, uma vez que as ferramentas disponíveis não eram utilizadas, por falta de conhecimento sobre o que poderia ser feito e do resultado que seria produzido.

“O objetivo desse workshop é nivelar o conhecimento das equipes do Núcleo de Inteligência e Operacional juntas, buscando responder dúvidas de todos e ampliar ideias que possam facilitar as investigações. Cada especializada tem necessidades distintas e desta forma, vamos analisar quais as ferramentas podem melhor atender o trabalho da DHPP e como devemos demandar os pedidos de informações para o Núcleo de Inteligência”, pontuou a delegada.

O diretor de inteligência, Juliano Silva de Carvalho, explicou que a capacitação é muito importante nas investigações de homicídio, uma vez que um caso não é igual a outro. “Sempre é bom ter um leque de opções de como chegar ao autor do crime, e esse workshop visa sedimentar e ampliar o conhecimento dos policiais no trabalho investigativo. As ações de inteligência são muito dinâmicas, devendo existir uma atualização constante para atuar de forma eficiente”, esclareceu o diretor.

O delegado geral Fernando Vasco Spinelli Pigozzi disse ter orgulho do trabalho da DHPP que é uma das unidades da Polícia Civil mais elogiadas pela sua atuação. “É uma unidade que os policiais têm a delegacia como extensão da própria casa, não medindo esforços para esclarecimentos dos casos. Sabemos que a unidade trabalha com uma questão delicada, uma vez que a vítima não voltará, porém a prisão dos autores dos homicídios traz grande alento às famílias”, disse o delegado.

 

 

A PJC também está no Facebook, Flickr e Instagram. Siga-nos!

Assessoria de Comunicação Social
www.pjc.mt.gov.br
asscom@pjc.mt.gov.br
(65) 3613-5673

Compartilhe essa notícia